ReportórioOriginais › Viver ISCSPiano

 

 

Se eu fosse um poeta eu escrevia um poema
Se eu fosse uma flor eu seria certamente açucena 
Para te celebrar com vontade, o teu centenário, a minha alegria
Pois tu formas estudantes há cem anos, de categoria

Se eu fosse uma voz eu seria a mais pura
Eu queria ser mais que magia para honrar o teu nome
Mas cá dentro já bate tão forte esta vida de estudante universitário
E assim te dou os parabéns pelo teu centenário
Lisboa que te viu nascer,
Erguido na Junqueira
Com o Tejo a ver
Lisboa suas tradições
Sempre nos acompanha
Nas nossas canções

Quem partir daqui vai ter saudades, não duvidem
Quem partir chorará de tristeza e de alegria
Pois quem é uma vez ISCSPiano não esquece na vida o que se vivia
Pois foi aqui que eu cresci, que aprendi, sabedoria 

Se eu pudesse ser noite e ser dia
Seria a lua, o sol, as estrelas
Para estar lá no céu e lembrar este viver ISCSPiano
Mas cá dentro já bate tão forte esta vida de estudante universitário
E assim te dou os parabéns pelo teu centenário