ReportórioAdaptações ›Mulher Gorda

 

 

Letra: Estudantina Universitária de Lisboa

A mulher gorda
Para mim não me convém
Eu não quero andar na rua
Com as banhas de ninguém

A mulher magra
Para mim não me convém
Eu não quero andar na rua
Com o esqueleto de ninguém

Refrão:
Ai, ai ai ai
Eu gosto desta mulher
Quero tê-la ao pé de mim
Beijá-la quando quiser

A mulher alta
Para mim não me convém
Eu não quero andar na rua
Com o escadote de ninguém

A mulher baixa
Para mim não me convém
Eu não quero andar na rua
Com a bengala de ninguém

Refrão

A mulher virgem
Para mim não me convém
Eu não quero andar na rua
Com os três de ninguém

A mulher casada
Para mim não me convém
Eu não quero andar na rua
Com os cornos de ninguém

Refrão