› História da Magna Tuna ApocalISCSPiana

O dia 17 de Março de 1993 fez desabrochar uma grande paixão entre quatro aprendizes de doutor, que se enamoraram pela beleza da música e do convívio: a Magna Tuna ApocalISCSPiana. 
Somos uma tuna orgulhosamente mista que tem feito ao longo dos anos uma aventura constante, sempre em busca de novos horizontes, tanto musicais como pessoais! A nossa inspiração corre livre nas águas do Tejo e voa célere nos céus de Lisboa.
Porque o percurso pela universidade é muito mais que apenas uma passagem. Porque estar numa Tuna não significa apenas camaradagem ou diversão mas muito mais, temos percorrido um caminho marcado pelo espírito académico saudável, pela amizade e pelo prazer da música, aprendendo com as nossas diferenças e paixões em comum!
Já palmilhámos o nosso Portugal e fomos além fronteiras, mostrando um pouco daquilo que é o espírito da Magna Tuna e levando o nome da nossa faculdade – o ISCSP – a todas as tasquinhas e coliseus onde possa caber um coração de estudante e uma alma de fadista!
Em 1999 organizámos o primeiro de muitos ApocalISCSPianos que se lhe seguiram. Pautados pelo convívio salutar entre tunas, estes encontros pretendem ser, antes de mais, um encontro de experiências e uma partilha de conhecimentos. Um certame que traz uma alegria e uma tunalidade diferente às paredes da nossa faculdade. Reunimos não só amigos e familiares mas, sobretudo, todos os que partilham connosco o sonho de levar a música portuguesa mais além. A cada edição batemos novos desafios. O nosso limite: o céu!
Já editámos, também, três CDs, sinais do nosso trabalho de que tanto nos orgulhamos e também de muitas noites mal dormidas em busca dos nossos sonhos!
Sempre fiéis a nós próprios, continuaremos a procurar aqueles sonhos, com todo o espírito que nos caracteriza, cantando até não poder mais!!